quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Tempos de caras e bocas

Adam Lambert, Time For Miracles

Trilha sonora do próximo filme hollywoodiano que prevê a destruição do planeta, Time For Miracles é a estréia de Adam Lambert, vice campeão do último American Idol, em videoclipes. Por se tratar de uma canção tema, o clipe é recheado de cenas do longa-metragem, 2012, que estréia no EUA no dia 23/11. No que se diz respeito a produção exclusiva do vídeo e atuação de Adam Lambert, tudo é ok. O cantor continua atuando excessivamente enquanto performa, com mil expressões faciais e corporais. Fato que despertou a atenção do público e da crítica especializada que já o classifica como aposta pop para 2010. Cenografia e fotografia possuem perfeita sintonia com o filme, parecendo, inclusive, que foram produzidos juntos. Só seria dispensável Adam cantando a música em slowmotion, enfatizando e forçando ainda mais as caras e bocas do ex-idol. Também é inevitável reparar a constante preocupação com o cabelo do artista, retocado de diferenças formas na mesma cena e proporcionando vários erros de sequência. Times For Miracles ainda não é o primeiro single do album de Lambert. O disco For Your Entertainment será lançado até o final do ano mas ainda não tem primeiro single divulgado oficialmente.

nota6



7 comentários:

Cledson disse...

Olha na boa... se vc não tivesse citado no seu comentário, não dava para observar que a frente do cabelo dele muda de lugar algumas vezes... aff. E tem mais, ele ficou famoso além d cantar bem e verdadeiramente, pelas "caras" q ele faz. E mais ainda!!! Quem é você pra saber se o slowmotion ta de mais ou de menos???
Pelo amor de Deus meu amigo ou amiga (se lá se é homem ou mulher o dono do blog) seus comentários soaram como pura inveja e desdenha!!
Por isso que este blog não é conhecido pela grande "massa" da net!!!
Vai tentar outra coisa q vc ganha mais!

Jader Maia disse...

Cledson, obrigado pelos comentários mas, vamos por partes. Sobre suas palavras a respeito dos DETALHES de um vídeo, esse blog foi criado justamente para falar do que ninguém viu, fugir de resenhas bobinhas e óbvias que todo mundo faz. Clipe por clipe, você não precisa vir até o Pixelóide para assitir, nem ter esse tipo de reação, vá direto ao Youtube. Por aqui, criei esse espaço para as particularidades de cada obra e para emitir a MINHA opinião sobre elas. Você tem todo o direito de discordar como você o fez, e valorizo isso. Em momento nenhum questionei o talento do Adam Lambert, pelo contrário, mencionei que ele é a aposta do pop para 2010 e não sou cantor nem artista para sentir inveja de um ex-idol. E mesmo assim se eu fosse, teria inveja de John Lennon, Michael Jackson, Stevie Wonder, Sting, Bono Vox. Iria poupar seu cantor favorito de sofrer com a minha inveja. Ah, o meu nome, Jader Maia, está assinado abaixo de todos os posts, caso, por desvio de atenção espero eu, tenha deixado de ler. Caso ser famoso pela grande "massa" da net signifique atrair tietezinhos como você que não aceita críticas ao trabalho audiovisuais de seus ídolos, prefiro continuar no ostracismo. Muito obrigado pela visita ao meu blog anônimo e volte sempre.

Diogo Rafael Lemos disse...

Jader, eu só acompanho o seu blog às vezes. Gosto do estilo de crítica dele, só é meio dificil de acompanhar mesmo. Mas ADOREI o que vc comentou em resposta. Não sei pra q as pessoas fazem questão de falar mal de uma crítica que elas fizeram questão de ler. Se era pra se irritar não era mais fácil ter parado e simplesmente ver o vídeo? Parabéns pelo blog. Eu já tentei criar um blog de critica músical e é muito dificil (mas eu tbm sou preguiçoso). De qualquer forma, parabéns aí.

Jader Maia disse...

Diogo, muito obrigado.
É por pessoas como você que esse blog vai pra frente. Pessoas que conseguem respeitar uma crítica e debater racionalmente, com argumentos coerentes, o motivo da discordância. Separando a questão técnica de afeto e fanatismo por seus ídolos. Concordo com tudo com o que disse. Muito obrigado e volte sempre por aqui. Se precisar de ajuda para o seu blog de crítica musical, estou ai!

Luix disse...

Acho ele todo "too much". É muito pó bronzeador, muitas bocas, muitos penduricalhos, muita franja, muito berro, muito after efects...

Melodia mesmo...tem pouca.

gabi.terra disse...

Qto a esse pití desse primeiro post, nem vou comentar! O cara não tem discernimento nem pra notar q Jader é nome de homem...
Falando do q interessa, desde o American Idol, achei esse Adam waaay "too much"!! Concordo com o Luix...
Qto a produção do clipe, só não concordei nessa sintonia q vc falou entre as cenas do clipe e do filme, Jader! Achei as cenas do clipe meio forçação d barra... Sem saber q era trilha sonora do filme, estranhei as cenas mega produzidas e a diferença pro chroma meio estranhão dele!
Mas enfim, fotografia bacana foi o ponto positivo! E só...

oconrado.bh@terra.com.br disse...

EMO BRONZEADO E' DEMAIS, EIN?!
ACHO QUE E' UM SINAL DO FIM DO MUNDO MESMO!

Postar um comentário