sábado, 7 de fevereiro de 2009

Pink, Please Don't Leave Me


A cantora Pink vem de uma ótima sequência de videoclipes. So What, Sober e, agora, Please Don't Leave Me foram retirados de seu mais recente disco, Funhouse. Fujindo do estereótipo das principais cantoras pop idealizadas como mulheres perfeitas em seus vídeos, Pink encarna uma anti-heroína, ou como preferir, uma vilã. Ao misturar um pouco de perversidade com humor, a cantora consegue convencer na atuação. A fotografia muito bem feita auxilia na construção de um clima angustiante e sombrio. Há nítida influência do filme "O Iluminado" na cena das machadadas na porta de madeira imortalizada por Jack Nicholson. Quem assina a direção é o ótimo Dave Meyers repetindo a parceria de Stupid Girls, Don't Let Me Get Me e So What da própria Pink.





2 comentários:

Greg disse...

Que dramah queen, hein?
Mas So What é ótima pra ouvir antes de sair de casa em dias de confusão.

Gabriela disse...

A Pink d atriz é o melhor q tá tendo!
E a história do clipe me lembrou mto aquele filme "Misery" (Louca Obsessão, em português... eu acho) com a Kathy Bates, fã frenética do James Caan, um escritor q sofre um acidente!

Postar um comentário